,

Como temperar um joelhoūüßā

Teve um atendimento que eu fiz bem no in√≠cio da minha carreira como Consultora de Estilo (l√° se v√£o 07, quase 08 anos!) em que minha cliente me falou que adoraria usar saia, que tinha paix√£o por usar saia, mas n√£o usava. A pergunta que eu lhe fiz em seguida, posso apostar que √© a mesma que est√° na sua cabe√ßa agora: 

РE por quê não usa?

A resposta veio de um jeito muito natural: 

РPorque meu marido acha meus joelhos feios. 

(pausa dram√°tica)

Imagino que voc√™ se chocou um pouco agora. Eu choquei, na ocasi√£o. Penso que foi ali que comecei a entender essa hist√≥ria toda de “tempero” que tanto falo hoje. Porque n√£o era meu papel apresentar todo um discurso sobre o que eu achava (tipo: what? √Č s√©rio isso, produ√ß√£o?). Eu estava ali para solucionar aquele problema “estil√≠stico” e o que eu fiz foi propor-lhe o maravilhoso mundo dos comprimentos midi.

Comprimento midi é aquele que vai até metade da panturrilha

Aquele foi o ‚Äútempero‚ÄĚ dela, sabe? Um comprimento curto s√≥ traria dor de cabe√ßa ao seu cotidiano e o longo estava fora de cogita√ß√£o para seu gosto pessoal. Ent√£o a gente foi l√° e acrescentou pitadas generosas de midi. 

Houve uma outra situa√ß√£o com uma cliente que nas etapas iniciais da Consultoria de Estilo (as investigativas), ficava repetindo constantemente: ‚Äúsou muito b√°sica, sou muito b√°sica, sou muito b√°sica‚ÄĚ.

-T√° bom, pensei. E enquanto ela falava me ocorreu como seria atender o Steve Jobs, kkk… brincadeira. A verdade √© que eu ficava imaginando aquele ex√©rcito de blusinhas pretas e cal√ßas jeans com pequenas varia√ß√Ķes de cinza. Cheguei a pensar que seria f√°cil colocar mais tempero nesse caldeir√£o.

Veio a etapa de conhecer o guarda-roupa da cliente. E o que eu vi? Onças pintadas, tigres de bengala, pítons coloridas… Tou exagerando? Não. Tinha muita estampa de bicho e estampas de outros motivos também. 

Logo, eu n√£o poderia ficar no sal e pimenta porque ela j√° estava no n√≠vel coentro com p√°prica e flor de sal (desculpa ae se isso n√£o combina, Rita Lobo)!  

O fato √© que aquela cliente lidava bem com tamanha profus√£o de informa√ß√Ķes, tanto que classificava como b√°sico. Ali eu tamb√©m aprendi uma li√ß√£o valiosa: mais importante que rotular o estilo dela, era ajuda-la a ter clareza sobre o que ela queria comunicar com sua imagem. S√≥ depois ent√£o, entender quais daquelas estampas poderiam ajuda-la – ou n√£o – a expressar isso. 

“Mais importante do que rotular o estilo √© ajudar a pessoa a ter clareza sobre o que ela quer comunicar com sua imagem”.

Eu adoro essa analogia dos temperos pois acho que realmente faz sentido. Se  gente for pensar, cada comida fica diferente quando outro faz porque a individualidade se manifesta no cozinhar. Muitas vezes n√£o s√£o os ingredientes principais que mudam, mas sim os temperos, a finaliza√ß√£o. Isso √© o que faz a gente dizer “nossa, o carreteiro da fulana √© muito bom” ou “o estilo dela √© muito legal!”

 Para cada um √© diferente e vejo meu papel muito de apresentar e propor novos temperos nessa deliciosa caminhada de autodescoberta do pr√≥prio estilo. 

Confira: Trilha de Estilo 

Workshop de Estilo 

Outros servi√ßos 

Beijo, 

Dallen. 

Gostou do post? Compartilhe nas suas redes!

Posts relacionados

Alça de sutiã aparecendo, pode?

Hoje vivemos um tempo sem precedentes na Hist√≥ria, um tempo em que nos √© permitido ESCOLHER. Tudo, absolutamente, envolve escolhas, mas ficando s√≥ no campo do suti√£, √© super estranho pra gente imaginar que nossas av√≥s ou bisav√≥s n√£o tinham op√ß√£o de cor, formato, renda, n√£o renda, sint√©tico, org√Ęnico, meia ta√ßa, bojo, sem bojo, etc, etc. E essas escolhas – t√£o comuns pra n√≥s – se refletem no modo como pensamos, agimos e julgamos as coisas.

Leia Mais

Diga “xis”

No caso da moda, muitas foram as (r)evolu√ß√Ķes humanas na qual ela brilhou, ajudando a contar os fatos (‚Ķ). Interessante que, geralmente, s√≥ nos damos conta disso depois, quando lemos os livros, ouvimos as hist√≥rias, vemos as fotos‚Ķ anos depois! Mas √© poss√≠vel fazer isso agora, refletir sobre o que a moda conta sobre o nosso comportamento atual?

Leia Mais

Eu não acredito em evolução

Hoje n√£o se pode mais ofender livremente negros, gays, e mulheres como se fazia antigamente. Ainda h√° quem reclame que ‚Äúest√° muito chato‚ÄĚ, mas, vem c√°, voc√™ preferiria o tempo em que isso era permitido? Fala s√©rio…

Leia Mais

O que dizem as suas unhas?

Imagine fazer uma pesquisa sobre os esmaltes que têm a cor da sua cartela, encontrá-los e então pintar as unhas com eles! Cansou só de pensar? Preferiria encontrar tudo pronto?

Leia Mais

Credibilidade sem ser careta

Quando alguém me diz que quer demonstrar credibilidade, quase sempre inclui o desejo/necessidade de ser também acessível.

Leia Mais

Identidade, pra que te quero?

Temperamento √© a ess√™ncia da pessoa, aquilo que ela herdou “de f√°brica” e faz com que ela seja de alguma forma distinta das demais.

Leia Mais

Criatividade, ativar!

N√£o tenho orgulho da minha falta de aten√ß√£o √†s datas de provas e trabalhos na √©poca da facul, mas gosto do desfecho desse epis√≥dio…

Leia Mais

Couro fake?

Como √© que se chama uma pe√ßa de ‚Äúcouro fake‚ÄĚ? Essa pergunta veio pra mim numa caixinha que coloquei nos stories do Instagram quando estava falando sobre tecidos e suas

Leia Mais

The Morning Show

Análise visagista das protagonistas da série TMS (The Morning Show) é uma série do streaming Apple que se passa em NY e retrata os bastidores de uma rede de TV

Leia Mais

FAZENDO A MALA

E se chove? E se surge algum jantar mais arrumado? E se esse sapato que é novo der calo? E se na hora eu enjoar dessa estampa? Essas e mil

Leia Mais

‚Äú√Č s√≥ roupa cara?‚ÄĚ

Essa foi uma pergunta real de uma pessoa numa caixinha de perguntas que coloquei no Instagram sobre Consultoria de Estilo. Ela envolve tanta coisa que achei que valeria desenvolvê-la um

Leia Mais

A vida é um fiapo

Tive um sonho essa semana em que estávamos juntas. Não lembro detalhes dele, só lembro que estávamos juntas porque comentei com meu marido no café da manhã. Disse-lhe também a

Leia Mais

TUDO QUE A GENTE VÊ SÃO IMAGENS

Sei que parece óbvio, mas vou tentar transmitir toda a minha surpresa quando eu mesma me dei conta disso. Olhe para a imagem/paisagem/cena que está à sua frente nesse exato

Leia Mais

Relato de um mau atendimento

Missão: encontrar a camisa perfeita para presentear meu marido. Estratégia: ir na loja X do Iguatemi e depois emendar um jantarzinho no restaurante Y. Fazia quase 02 anos que a

Leia Mais

Quanto custa sua autenticidade?

Alerta de gatilho 1: esse texto pode fazer você parar tudo o que está fazendo agora e procurar a resposta a essa pergunta na sua própria vida. Alerta de gatilho

Leia Mais

A SURPRESA NÃO SE SUSTENTA

Você já viveu o suficiente para saber que a empolgação do ano novo acaba depois do brinde. Que o procedimento estético aquele que você tanto queria passa despercebido em poucos

Leia Mais

Consumo COOLsciente – a origem

Ao longo dos anos em que empreendi no TAG de LUX, fui convidada diversas vezes por algumas institui√ß√Ķes de ensino para falar sobre consumo consciente e moda sustent√°vel, entre elas

Leia Mais

A Mulher do Futuro: ESTILO

As suas roupas dizem o quão legal você é? Essa foi a pergunta chave que levou a Vivi a procurar uma Consultoria de Estilo. No caso, ela se deu conta

Leia Mais

“Voc√™ precisa ser mais feminina!”

Ouvi isso tantas vezes durante a inf√Ęncia e adolesc√™ncia que cheguei at√© a acreditar. Sempre gostei de usar roupas mais largas (adorava roubar algumas do meu irm√£o), era zero vaidosa

Leia Mais

Poemas de M√°rio Quintana

Quando eu tinha 19 anos, no amigo secreto do meu trabalho, uma colega me presenteou com algo que se tornaria inesquec√≠vel para mim: uma agenda de poemas do M√ĀRIO QUINTANA.

Leia Mais

Ch√° de Estilo

Geralmente, quando pensamos em estilo, nos vêm à mente as roupas e acessórios que usamos, não é assim? E está correto. As roupas que escolhemos usar dizem muito sobre quem

Leia Mais

Roupa de sair X roupa de trabalho

Voc√™ tamb√©m tem as roupas “de sair” e as “de trabalho”? ‚†Ä Muitas de n√≥s temos essa ‘divis√£o mental’ com as nossas roupas, seja por influ√™ncia materna (menina, vai tirar

Leia Mais

Cozinhar, uma analogia

Voc√™ gosta de cozinhar? Eu adoro! Costumo dizer que, se tem um ingrediente que n√£o pode faltar na minha cozinha esse ingrediente √©… internet! ūüėõ Isso mesmo que voc√™ pensou.

Leia Mais

N√£o tenho roupa…

Aquela sensa√ß√£o de abrir o guarda-roupas e n√£o encontrar nada que te represente… Ou estar pilhada(o) para parecer de um jeito, mas n√£o consegue porque lhe falta, parece que… roupa!

Leia Mais

‚ú®Pequena Epifania‚ú®

Ouvi que Proust, ao comer uma madeleine certa vez, fora subitamente invadido por lembran√ßas e mem√≥rias v√≠vidas de sua inf√Ęncia e que o ocorrido lhe causara tamanha transforma√ß√£o a ponto

Leia Mais

Por que sua imagem importa?

Por que sua imagem é importante? Por que se preocupar com isso, uma vez que o mundo parece estar de cabeça para baixo? Não há coisas mais importantes para se

Leia Mais

Feliz Dia da Mulher

Uma reflex√£o com significado sobre essa data √Č mar√ßo, m√™s da mulher. Quiseram que fosse apenas 01 dia, mas n√≥s, espa√ßosas, tomamos conta dos outros 30. A gente √© mimada,

Leia Mais

Quem escreve por aqui

Não importa se somos fotógrafos, consultores de estilo, psicólogos ou donas/os de casa. No blog, frequentemente a gente escreve sobre o que está por trás desses (e outros!) rótulos, ou seja, a própria VIDA em curso. Navegue e encontre textos inspiradores sob diferentes pontos de vista!

Amanda Baronio
Dallen Fragoso
Sara Adais
Jonas Filho
Explore

Receba minha newsletter

São 02 por mês com insights e achados preciosos sobre estilo e autenticidade.
Vou amar me conectar contigo por l√°!

Copyright © 2023 | Rua Gomes Jardim, 428 - Centro - Novo Hamburgo - RS | CNPJ: 40.622.935/0001-24